Camila Junqueira

06/03/2023

Como a inteligência artificial auxilia no processo de seleção?

As novas tecnologias podem contribuir muito para o recrutamento de novos talentos Você já deve ter ouvido falar em inteligência artificial. Em resumo, ela consiste em sistemas e softwares que buscam replicar a inteligência humana na execução de tarefas, e que se aprimoram de acordo com os dados que coletam em atividade. Essa tecnologia pode ser aplicada em diversas frentes e está cada dia mais avançada, expandindo as possibilidades e otimizando o trabalho de vários setores. Um deles, por incrível que pareça, é o de recrutamento e seleção.
 
Claro que isso não significa que um robô fará as contratações do futuro. Ainda é preciso muita inteligência humana nesse processo, mas a IA pode otimizar e agilizar algumas etapas. No mercado de tecnologia, existe uma demanda de vagas muito maior do que a oferta de novos talentos, então é importante concluir o recrutamento de forma rápida e assertiva para preencher as posições em aberto e as necessidades da empresa. Nesse contexto, dá para usar essa tecnologia de várias formas. Veja como:
 
Inteligência artificial em recrutamento
 
1. Análise de perfis
 
A inteligência artificial nos processos seletivos pode ajudar muito na análise de perfis, de acordo com os requisitos mais buscados pela empresa. O algoritmo pode identificar os melhores candidatos, com base em qualquer tipo de informação, não só as mais básicas – nem sempre o perfil ideal é o mais experiente, por exemplo. O uso de IA nessa análise também pode ajudar a promover a diversidade na contratação, pois exclui qualquer viés que o recrutador poderia ter na hora de escolher os melhores talentos para a vaga.
 
2. Uso de chatbot
 
O chatbot pode ser um grande aliado do recrutador, principalmente em processos seletivos maiores. Muitos candidatos podem ter dúvidas básicas, que são rapidamente respondidas por meio de respostas automáticas – o recurso do chatbot torna essa conversa até mais humanizada. Ele pode ser usado para dúvidas e também para a aplicação de algum tipo de teste, como os de fit cultural com a empresa ou até de requisitos técnicos.
 
3. Métricas de sucesso
 
A inteligência artificial pode ajudar na análise de métricas de sucesso do recrutamento, como índice de assertividade nas contratações, turnover da área, entre outras. Saber quantos candidatos avançam de fase no processo seletivo, qual é o perfil mais escolhido e quanto tempo demora para realizar o recrutamento, são informações muito relevantes que ajudam a tomar decisões futuras nessa área.
 
4. Contratação mais rápida e assertiva
 
Tudo o que listamos acima promove uma contratação em menos tempo, e com muito mais assertividade. A inteligência artificial é uma forma de automatizar o processo seletivo, o que traz agilidade – concentra todos os dados em um só lugar, acelera o agendamento de entrevistas e garante uma comunicação melhor com os candidatos. Além disso, aumenta a certeza de estar buscando as pessoas certas, nos lugares certos.
 
Conexão entre talentos e oportunidades com inteligência artificial
 
Quer saber como aplicar a inteligência artificial na prática? Você pode contratar uma consultoria de recrutamento digital, como a Recrutaê! Somos a conexão entre talentos e oportunidades na área de tecnologia, unindo a inteligência artificial na otimização de processos, com a inteligência humana para encontrar os melhores candidatos, de acordo com a necessidade da empresa.

Posts recentes

{{ reviewsTotal }}{{ options.labels.singularReviewCountLabel }}
{{ reviewsTotal }}{{ options.labels.pluralReviewCountLabel }}
{{ options.labels.newReviewButton }}
{{ userData.canReview.message }}